MANTRA “CADA UM COM AS SUAS COISAS!”

Publicado por Paula Bissoli em

Mantra “CADA UM COM AS SUAS COISAS!”

Por: Paula Bissoli

Um dos aspectos energéticos que mais prejudica os seres humanos é a forma negativa como administram os seus pensamentos e sentimentos, e muitas vezes esse padrão é uma réplica da forma como, em sua infância, observaram o comportamento dos seus pais e/ou cuidadores.

A situação exige ainda mais atenção quando um determinado  padrão emocional negativo vem sendo passado de geração a geração, como por exemplo o vício de julgar e criticar tudo e todos (muitas vezes  para sentir-se menos pequeno e/ou para esconder um sentimento de inveja, frustração ou inércia).

O julgamento, muitas vezes vibrado através da inveja, crítica destrutiva, difamação, fofoca, etc., é uma das principais energias nocivas que sugam o equilíbrio energético de quem vibra esses sentimentos, pois acionam uma espécie de compartilhamento das energias negativas que estão nos campos sutis da pessoa sendo julgada.

E quando julgamos ou criticamos os nossos pais e ancestrais, essa conexão se torna ainda mais perigosa porque é como se estivéssemos literalmente  jogando veneno nas raízes de nossa árvore genealógica.

Depois de anos atuando como terapeuta, vi diversos relatos de pessoas que julgaram ou criticaram severamente os seus antecedentes e por ironia do destino, em um determinado momento, estavam repetindo o mesmo padrão ou comportamento daqueles que eles  criticaram.

Refletindo nesse conteúdo, lembro-me de um trecho bíblico onde Jesus Cristo disse:  “Não julgueis, para que não sejais julgados. Pois com o critério com que julgardes, sereis julgados; e com a medida que usardes para medir a outros, igualmente medirão vocês” (Mateus 7:1,2).

No caminho do autoconhecimento, a auto-observação ou auto-análise é uma das primeiras ferramentas de grande importância para a identificação dos pontos a serem corrigidos e atuar com as devidas ferramentas terapêuticas, a não ser que vc seja juiz, o primeiro passo é o “não julgamento”.

E para auxiliar na reprogramação desse padrão mental, que muitas vezes está arraigado a anos, o mantra “CADA UM COM AS SUAS COISAS!” tem uma grandiosa função de “controlar” a voz interior que insiste em cultivar pensamentos e sentimentos negativos  julgamentos, críticas,  aflições, inveja, raiva ou ainda quando os seus pensamentos insistirem em ficar lamentando ou comparando você com outras pessoas.).

Esse mantra é para você mesmo e pode ser realizado várias vezes ao longo do seu dia,  mentalmente ou verbalmente.

Funciona da seguinte forma: sempre que vier à sua mente pensamentos repetitivos e negativos, avalie a situação em seu “modo adulto” e avalie o porquê dessa situação.

Sempre que necessário perdoe a si mesmo e também aqueles à sua volta, coloque-se no lugar do outro, perceba as suas justas razões e então diga a si mesmo: “Cada um com as suas coisas!”

Imediatamente, volte o seu foco, atenção e energia para as suas coisas e não mais para as coisas dos outros! Dessa forma, será mais fácil você direcionar o seu tempo e força interior para cocriar o que você “quer” e não mais o que “você não quer” (que é a perda de energias através das emoções negativas)!

Cada vez que você se respeita e  permite ser melhor, principalmente para si mesmo, estará contribuindo com o seu próprio equilíbrio, prosperidade e felicidade!

Exemplos de padrões mentais que são “aliviados” com esse mantra:

– Sou próspero mas tenho dúvidas em ter dinheiro porque tenho dó de quem não tem dinheiro!  Reflita: “  Se Deus lhe deu a oportunidade de prosperar é porque você mereceu! Se dedicou, trabalhou e é mérito seu!  As pessoas podem ter outras histórias, “Cada um com as suas coisas” !!!

– Meu vizinho comprou 4 carros novos e eu não! Reflita: É mérito dele e faz parte da história dele! Se ele ganhou na loteria, se ganhou uma herança, se vendeu um imóvel e depois comprou os carros, etc.,  é a história dele!!! E sempre que você prosperar ainda mais,  será mérito seu e com certeza você não gostará de saber  que outras pessoas ficaram te julgando ou fofocando sobre as suas coisas.

Essas são apenas algumas dicas envolvendo a parte material, mas esse mantra também pode ser ajustado para as coisas não materiais, como por exemplo pensamentos que envolvam comparação, inveja,  etc.

Ao criar o hábito de repetir periodicamente esse mantra,   você não perderá mais energias com o padrão mental negativo (julgamentos, comparações, críticas, mágoas, etc), tornando mais fácil direcionar a sua atenção e intenção para as coisas positivas, com foco nas soluções e não nos problemas.

As ondas mentais dos seres humanos funcionam de forma semelhante às ondas de rádio, sintonizando sua energia nas  frequências (ou estações) do mesmo padrão vibracional no mundo à sua volta (lei da atração).

Energias atraem outras energias do mesmo padrão vibracional e os pensamentos assim como os sentimentos geram energias (positivas ou negativas), por isso adeque seu padrão mental para manter o seu foco e atenção nas coisas que você QUER (amor, alegria, auto-estima, paz, equilíbrio, etc) e não no que você “NÃO QUER” (raiva, vingança, mágoas, culpas, baixa auto-estima, etc) !!!!

Se você mantiver um padrão mental mais rígido e negativo, será mais difícil encontrar as melhores soluções e também mais difícil será perceber o lado bom das coisas.

As energias negativas do baixo astral tem total sintonia com a energia da crítica, da irritação, do mau humor, da lamentação, da inveja e até com a energia de doenças. É principalmente por esse motivo que  uma pessoa que passa o dia inteiro remoendo mágoas, culpas, tristezas e/ou lamentações, geralmente fica mais cansada no final do dia, porque suas reservas vitais forem literalmente vampirizadas através da vibração dos maus sentimentos.

Se você deseja melhorias em alguma área da sua vida, comece a mudança de dentro para fora, primeiramente criando o hábito de administrar positivamente os seus pensamentos e sentimentos e também agradecendo pelos aprendizados! 🥰✨🙏

A comparação constante,  o ciúmes e até mesmo a necessidade de rebaixar ou denegrir a imagem dos outros   é um comportamento infantil para um adulto e por isso  requer  atenção porque  pode ser a indicação de algum transtorno psíquico, muitas vezes sendo necessário tratamento especializado com psicanalista, psicólogo e também psiquiatra (principalmente quando envolve algum quadro depressivo).

Dicas:

  • Assim que você perceber que está vibrando um padrão mental negativo,  imediatamente substitua-o por um positivo!
  • Pratique técnicas de autoconhecimento e não deixe que  o padrão dos pensamentos negativos contaminem também os seus sentimentos e se torne um hábito
  • Faça os seus melhores esforços para ser melhor consigo mesmo.

Dessa forma, será mais fácil cultivar a criatividade, encontrar boas soluções, ter mais prosperidade, se fortalecer, ter uma melhor qualidade de vida, etc.

Ame-se!💖

Cuide melhor de si mesmo!✨🙌✨

Cultive a Fé, o Amor, a Gratidão!🙏💖

Tenha um diálogo positivo com o seu espelho!🥰

Se vc é Reikiano, faça o autotratamento diariamente ✨🙌✨

Repita os princípios do Reiki logo cedo, e dedique os seus melhores esforços para colocá-los em prática durante o seu dia a dia.

Dessa forma será mais fácil tornar o seu mundo mais feliz e consequentemente o mundo daqueles a sua volta🙌🌎🙌💖

Sintonize-se na luz e Seja luz! ✨🙏💖

Um grande abraço de Luz para você ✨🙌🏻✨🙏💖✨

 Paula  Bissoli 

Psicanalista, Mestre Reiki, Instrutora Feng-Shui e Consteladora Familiar Sistêmica

contato@paulabissoli.com.br


0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigada pelo interesse em nosso conteúdo!

Você pode compartilhá-lo desde que inclua a fonte, citando https://www.paulabissoli.com.br/


O conteúdo deste site é protegido por Copyright.

Caso você concorde, não exibiremos este aviso novamente.


 Discordo

Fatal error: Uncaught ErrorException: md5_file(/var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/litespeed/js/6a68ab165a36bca31df6fdd449862202.js.tmp): Failed to open stream: No such file or directory in /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/plugins/litespeed-cache/src/optimizer.cls.php:130 Stack trace: #0 [internal function]: litespeed_exception_handler(2, 'md5_file(/var/w...', '/var/www/html/p...', 130) #1 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/plugins/litespeed-cache/src/optimizer.cls.php(130): md5_file('/var/www/html/p...') #2 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/plugins/litespeed-cache/src/optimize.cls.php(837): LiteSpeed\Optimizer->serve('https://www.pau...', 'js', true, Array) #3 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/plugins/litespeed-cache/src/optimize.cls.php(382): LiteSpeed\Optimize->_build_hash_url(Array, 'js') #4 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/plugins/litespeed-cache/src/optimize.cls.php(264): LiteSpeed\Optimize->_optimize() #5 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-includes/class-wp-hook.php(324): LiteSpeed\Optimize->finalize('<!DOCTYPE html>...') #6 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-includes/plugin.php(205): WP_Hook->apply_filters('<!DOCTYPE html>...', Array) #7 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/plugins/litespeed-cache/src/core.cls.php(477): apply_filters('litespeed_buffe...', '<!DOCTYPE html>...') #8 [internal function]: LiteSpeed\Core->send_headers_force('<!DOCTYPE html>...', 9) #9 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-includes/functions.php(5420): ob_end_flush() #10 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-includes/class-wp-hook.php(324): wp_ob_end_flush_all('') #11 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-includes/class-wp-hook.php(348): WP_Hook->apply_filters(NULL, Array) #12 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-includes/plugin.php(517): WP_Hook->do_action(Array) #13 /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-includes/load.php(1270): do_action('shutdown') #14 [internal function]: shutdown_action_hook() #15 {main} thrown in /var/www/html/paulabissoli.com.br/web/wp-content/plugins/litespeed-cache/src/optimizer.cls.php on line 130