CURSO DE TERAPIA COM ROSAS – INSTITUTO POTALA – INDAIATUBA

Publicado por Paula Bissoli em


A Terapia com Rosas ou Terapia das Rosas é um sistema de cura vibracional que utiliza Rosas que depois de ativadas, passam a vibrar numa alta frequência sutil que atua diretamente nos sistemas e memórias celulares de forma a tratar no inconsciente os traumas que estavam guardados (e possivelmente gerando distúrbios em várias áreas da vida), muitas vezes trazendo-os á tona para serem conscientizados e tratados. 

A Terapia com Rosas permite tratar de forma sutil, as feridas emocionais, atuando diretamente na causa, independente de qual seja ela. A suavidade da frequência das rosas fala ao coração, tocando a alma e proporcionando uma profunda paz, possibilitando o reencontro com sua luz interior e favorecendo uma nova visão mais evolutiva da vida.

Nessa terapia o campo áurico é expandido de forma harmoniosa, favorecendo o tratamento dos bloqueios e tambem dos fragmentos energéticos de experiências disfuncionais ou traumáticas que possam existir no campo mental, emocional, espiritual e atuando como potencializador do equilíbrio fisico trazendo paz interior, serenidade e leveza.

Esse sistema vibracional é passado de Mestre para aluno e para o modulo I não existe pré-requisito.

Venha participar dessa oportunidade de vivenciar e ser consagrado como terapeuta das rosas e perfumar o planeta através dessa técnica.

• Apenas os facilitadores, mestres e terapeutas licenciados estão autorizados a realizar Workshops, cursos, palestras, congressos, atendimentos e seminários da Terapia com Rosas.

Próximo curso de formação de Terapeutas das rosas : dia 12.junho.2016 no Instituto Potala (Indaiatuba)



0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigada pelo interesse em nosso conteúdo!

Você pode compartilhá-lo desde que inclua a fonte, citando https://www.paulabissoli.com.br/


O conteúdo deste site é protegido por Copyright.

Caso você concorde, não exibiremos este aviso novamente.


 Discordo